Em menos de uma hora – I e II

O tempo que estou a demorar para acabar a manta de retalhos começa a desesperar-me. Talvez porque corro o risco de ela já não vir a servir para tapar a R. dadas as dimensões de uma e de outra.

Na verdade o que eu queria era que os dias tivessem o dobro do tempo. E já agora as noites também. Como não me parece que tal venha a acontecer, o que me apetece mesmo é fazer coisas rápidas, de preferência tão rápidas que se façam no tempo de uma sesta da R. E assim nasce um novo desafio a mim mesma – fazer todos os dias qualquer coisa que fique pronta em menos de uma hora. Durante sete dias.

Estes são os dois primeiros resultados. Um mini-vestido e umas calcinhas (adoro esta palavra. Faz-me lembrar a minha avó que também dizia boa nôte em vez de boa noite e tutu em vez de rabo). Cada coisa demorou menos de uma hora a fazer, uma ontem e outra hoje. As calcinhas demoraram mesmo pouco mais de meia hora e estou muito contente com o resultado. Parece-me a roupa de Verão perfeita para um bebé. Aproveitei para estrear o ponto da máquina de costura indicado para coser elástico, o que não se revelou uma tarefa muito fácil.

Os botões do vestido foram descobertos numa caixa com centenas de botões vintage, quase todos medonhos, numa retrosaria da Baixa. Por estes apaixonei-me porque parecem rebuçados de morango. Vou ficar atenta, não vá a R. decidir comê-los.

11 thoughts on “Em menos de uma hora – I e II

  1. Agora é a minha vez! Apesar da costura e os filhos não serem a minha onda, como tu bem sabes, a cena das cores de Avis fica sempre muito bem. VIVA AVIS!!!!! VIVA O AZUL!!!!!VIVA A VIDA!!!!estão aqui a dizer VIVA OS BOTÕES!!!!!! Muitos beijinhos

  2. Olá Inês,
    Também adoro os dôdôs e os botões forrados, mas o que eu mais gosto mesmo de verdade é dum bom bifinho de vaca bem mal passadinho!

  3. Olá Inês
    Acabei de conhecer o teu blog, estou encantada!!!!
    Sabes que comprei uma máquina de forrar botões!
    Não há nada melhor que forrar botões!
    Bjs
    Susana

  4. :-)
    gostas de desafios semanais, já percebi :-)
    com resultados muito bonitos, parabéns! vendes em algum sítio? (rita_blu@hotmail.com) gosto muito do que crias, para miúdos e crescidos.

    a minha avó chamava-me Pató e transbordava ternura

  5. É um lindo conjunto, fesco, muito fresco!
    Assusta-me a pressa. Porque? Tudo tem o seu tempo e fazes coisas muito bonitas que valem a pena. E não serão percas de tempo! A minha avó dizia-me que tudo o que se começa, acaba-se. Por isso força, e adorava ver esta manta:)

  6. Uma verdadeira ternura!

    Se tivesse uma menina também queria uma toilette assim!

    Pois, com tantos desafios a ti própria e esses bichinhos carpinteiros que tens na ponta dos dedos será difícil acabar a manta :)
    Admiro a tua capacidade de fazeres tanto com o teu tempo!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s