Um disparate de uma ideia

Pergunta – Qual é a grande vantagem de lançar desafios a mim mesma e a mais ninguém?

Resposta – Se me apetecer mudo as regras todas. Ou acabo mesmo com o desafio.

Foi o que eu fiz – desafio abortado. Ao terceiro dia, quando me preparava para fazer outra coisa em menos de uma hora, percebi que era um disparate de uma ideia. É possível fazer muitas coisas no espaço de uma hora. Mas não é possível que alguma coisa fique realmente bem feita. Gosto muito das calcinhas que fiz para a R. e vou fazer mais de certeza. Mas desde que as acabei que não penso noutra coisa que não seja refazê-las. Porque na verdade o elástico das pernas está uma trapalhice. E do que eu gosto mesmo é dos acabamentos perfeitos. É isso que me faz querer usar alguma coisa muitas vezes. E é esse o gozo que a costura me dá.

– – –

Depois disto resolvi acabar com mais calma a manta de Verão de bebé que me foi encomendada há uns dias.

– – –

E as etiquetas para os dodôs já estão prontas.

Anúncios

3 thoughts on “Um disparate de uma ideia

  1. :)

    Eu acho os teus desafios divertidissimos e mais do que isso revelam o teu espírito empreendedor, mas concordo que a piada de serem para ti própria é alterar-lhes as regras sempre que te apetecer!

    É a veia de “criadora”!

    Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s