Tem ideias claríssimas sobre o que quer — uma caixa de cartão terá de ser um robot, uns papelinhos minúsculos serão colados de forma a parecerem umas andorinhas, isto é para ser pintado com tintas, aquilo tem de ser desenhado com caneta. Assim, sem hesitações, do alto dos seus quatro anos.
Eu — a simples assistente — passo os dias a ajudá-la a resolver as questões de produção que me põe. Um pompom brilhante que a professora lhe deu como prémio por ter desenhado umas lindas sardinhas tem de ser um anel, claro está.
Advertisements

4 thoughts on “

  1. :) adoro o anel. Tb sou assistente nas horas vagas, mas a medida que o tempo passa, o meu papel vai perdendo importância, muito ajudado pela minha falta de jeito… Bjs

  2. a aceleraçao do universo e a aceleraçao da evoluçao das crianças é um assunto muito sério ao qual os pais deviam estar mais atentos . Que bom ser “assistente” de uma criança assim !
    Um abraço
    Yachia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s