Dos dias

Não quero parecer mal agradecida mas a verdade é que às vezes, muitas vezes, me apetecia ter uma casa pequenina em vez de sete assoalhadas para gerir.
Tomar conta de uma casa grande, e mantê-la limpa, arrumada e, portanto, confortável, parece-me cada vez mais o mais inglório dos trabalhos. Nunca está tudo feito, está sempre quase tudo por fazer.
Farta, muito farta das lides domésticas, concentro-me nos detalhes, aqueles que realmente me dão prazer e que me fazem continuar a gostar deste ninho a que chamamos casa.
1. Arranjar finalmente função para o cesto que comprei há uns meses na Feira da Ladra. Os tricots em curso deixam assim de ter lugar cativo na poltrona da sala.
2. Promover um postal a quadro, só porque o adoro.
3. Pôr uma capa de edredon nova na cama da Leonor e ficar deliciada com o contraste que faz com o tapete de trapos.
4. Pôr flores secas numa jarra que, na verdade, é um frasco de laboratório antigo.
E dito isto, pode concluir-se que eu não sou bem uma mulher adulta com uma família a cargo. Sou mais uma menina pequena que gosta de rebuçados e não de arrumar a casa.
Anúncios

5 thoughts on “Dos dias

  1. Não sei se a Inês trabalha fora ou se se dedica exclusivamente à família, mas tenho a dizer-lhe que tudo o que faz (pelo que demonstram as fotos) fá-lo com primor. Como gostaria de conhecer a sua casa e como gostaria que me desse dicas para melhorar a decoração da minha e que me ensinasse a tricotar (sou uma desgraça) e a cozer (não sei).
    Nunca se canse dos detalhes da sua casa, são eles que fazem a diferença e são o reflexo de quem vive dentro dela: limpa, aerosa, fresca, saudável, atraente e sorridente. Será que me enganei?

  2. Livro do desassosego, F.Pessoa _
    “…mas imperfeito é tudo. Nem há poema tão belo que não o pudesse ser mais…

    Assim, se concentre no que lhe dê prazer. Deixe de lado ” As 10 dicas simples para limpar a casa”, que está no google. Nem uma poeira vai sombrear a beleza do postal que virou quadro, nem a delicadeza e cores do edredom.
    Uma noite de chamego com as filhas, pq. é disso que elas precisam. :-)
    Bjbj
    carinho
    S.O.
    Rio

  3. As fotos desses pequenos detalhes devem ser muito enganadoras!! A casa parece um mimo.
    (se ser mulher adulta implica manter uma casa “arrumadinha” então não sei se algum dia lá chegarei… – sabe bem saber que há mais mulheres adultas à espera de crescer como eu)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s