Abril

alcofa n. 14 by you.
 
cravos by you.
 
violeta by you.
 
Acabar o mês com coisas boas:
. Uma alcofa de bonecas (14), versão miniatura desta de bebé. Já está em Santarém.
. Encher a casa de cravos vermelhos como todos os anos.
. Voltar a fotografar os sapatos da querida Violeta (e contar um segredo: o cabelo da Violeta é da exacta cor destes sapatos). 
 

Casa

momento kitsch by you.

parede by you.

violeta by you.

Daqui a algum tempo, não sei ainda quanto, mudar-me-ei para uma casa nova. Até lá vou registando bocadinhos desta. Para mais tarde recordar.

– – –

Com a Primavera antecipada volto a divertir-me com os sapatos da Violeta .

DESENHO
Joana Villaverde

Reciclar

senhora saco de plástico by you.

violeta by you.

Uma senhora feita de sacos de plástico vinda da Guiné Bissau, perfeita nos acabamentos e no estilo.

– – –

Reciclar, aproveitar, recriar – as palavras que andam a bailar na minha cabeça quando penso no Natal que se aproxima.

Um ano

um ano by you.

nova violeta by you.

Passei o dia a pensar na noite de há um ano. E em como é maravilhoso que ela exista.

Fiz-lhe uma boneca, para comemorar. A Violeta baptizou-a assim que a viu. – É uma Violeta. Tem o cabelo cor-de-rosa como eu. Embora bastante mais discreto, acredite-se. Violeta ficou.

A L. não gostou dos olhos fechados. – Está a dormir, disse eu. – Está bem. Mas quando fizeres a minha faz os olhos abertos, sim? Eu registei o pedido implícito.

Rapazes

capacete by you.

violeta by you.

Prenda para um amigo da L. que fez seis anos: um capacete das obras comprado por 2,75 euros. Normalmente sou eu que faço as prendas que a L. oferece nas festas de anos a que vai. Ou então oferecemos livros. Desta vez não havia orçamento para livros e não consegui pensar em nada homemade para um rapaz (esse bicho esquisito a que estou pouco habituada já que o único exemplar mais próximo tem menos de um ano e portanto ainda está arrumado na categoria dos bebés). Andei três dias a puxar pela cabeça até que, já no dia da festa, dei de caras com um monte destes capacetes na loja de ferragens aqui da zona. São adaptáveis a qualquer tamanho de cabeça e têm o encanto de ser um objecto dos adultos, coisa que fascina sempre as crianças. Ela adorou oferecê-lo.

Des cheveux très amusants

des cheveux très amusants by you.

violeta by you.

No último fim-de-semana a L. teve de fazer um trabalho de casa para a escola que consistia em fazer um desenho de alguém da família e explicar o que torna essa pessoa especial aos seus olhos. Escolheu sem hesitar a irmã. E porque é que ela é especial? – perguntei eu. Porque tem um cabelo muito divertido – respondeu ela. E tem toda a razão.

Um disparate de uma ideia

Pergunta – Qual é a grande vantagem de lançar desafios a mim mesma e a mais ninguém?

Resposta – Se me apetecer mudo as regras todas. Ou acabo mesmo com o desafio.

Foi o que eu fiz – desafio abortado. Ao terceiro dia, quando me preparava para fazer outra coisa em menos de uma hora, percebi que era um disparate de uma ideia. É possível fazer muitas coisas no espaço de uma hora. Mas não é possível que alguma coisa fique realmente bem feita. Gosto muito das calcinhas que fiz para a R. e vou fazer mais de certeza. Mas desde que as acabei que não penso noutra coisa que não seja refazê-las. Porque na verdade o elástico das pernas está uma trapalhice. E do que eu gosto mesmo é dos acabamentos perfeitos. É isso que me faz querer usar alguma coisa muitas vezes. E é esse o gozo que a costura me dá.

– – –

Depois disto resolvi acabar com mais calma a manta de Verão de bebé que me foi encomendada há uns dias.

– – –

E as etiquetas para os dodôs já estão prontas.

Barbie bag

Há, provavelmente, poucas coisas tão tontas como fazer um saco próprio para guardar e transportar a Barbie. Mas foi o que eu fiz hoje. Mais precisamente para guardar a Barbie e o Ken, o casal de loiros cá de casa. Talvez o aproximar da Silly Season desculpe este meu desvario. E o que eu me tenho rido para dentro justifica tudo. Eu, que nunca pensei que alguma vez sucumbiria ao apelo de uma Barbie, quanto mais ao do Ken. Quanto mais ao de um saco para os transportar. Viva o Verão e os disparates!

Vamos passear

Agora que estamos quase no Verão, a Primavera parece que chegou. E nós vamos para o campo descansar que bem precisamos. Os planos são dar muitos mergulhos, fazer pic-nics, ensinar a L. a andar de skate, esticar as pernas e não fazer nada, ler à sombra de uma árvore, comer coisas boas e principalmente respirar fundo. Volto já.

– – –

A Small de Verão já aí está.

Uma saia por dia

Estou viciada em saias. Em fazê-las, mais precisamente. Hoje fiz esta. Amanhã farei outra. E depois outra. Resolvi tornar o vício num desafio a mim mesma – uma saia por dia durante sete dias. Veremos o que isto dará.
A Violeta mantém-me deslumbrada com a variedade de cores dos seus sapatos.